Resultados
02/02/2014 - TRILOPEZ NA MEIA MIAMI, 10Km CIRCUITO DO SOL E TRIATHLON 100Km CONQUISTADORES !!

Carlos Monteiro foi o nosso representante na Meia-Maratona de Miami, fechando a prova em 2h04´30", logo na sua estréia na distância. PARABÉNS CARLÃO !!

Léa Gianini foi a nossa representante no Circuito do Sol, fechando os 10Km com um "Best-Time" de 56´41". PARABÉNS LEINHA !! A atleta Thais Alves também participou da prova.

Segue abaixo o seu relato:

"Sei que nunca dei um retorno de minhas provas a vcs ,e acho que dessa "Circuito do Sol" devo dar esse retorno...

Nunca havia feito esse percurso, não achei fácil , e o treino de base tem me deixado com pernas pesadas, então não esperava realmente fazer esse tempo de 56:41, mesmo pq semana passada na prova da "Cidade de São Paulo" havia feito 10km em 1h02min...

Tinha em mente manter a 5:50 até o final....veio a primeira subida com a Thaís Alves pedindo p reduzir pois estava já a 5:25, tentei e procurava realmente diminuir para me poupar dos "sobe desce", e mesmo pq o tênis começou a grudar no asfalto e sentindo uma sensação de queimar os pés....rsrs ....

Reduzi a 5:35, mesmo já falando q tinha que reduzir um pouco mais, não conseguia....(olha aí os treinos de subidas como me ajudaram e eu sempre xingando qdo tinha q fazer principalmente sábado na Biologia da vida, valeu hein), nos km finais (dois últimos) senti as pernas pesadas foi qdo a Thaís falou pra manter,pensei essa loka pirou de vez as pernas não vão,e realmente achei q meu pace tivesse caído mto nem queria saber a qto estava,e o calor?

Ah o calor.....nunca fiquei tão feliz ao ver uma sombra.....

Tentava acertar a respiração mas parecia td mto difícil,mas já estava chegando tinha q me acertar...nos 500mts finais td pesava mais,mas fechei a prova com 5:40...enfim como disse não foi uma prova fácil,porém superou as minhas expectativas de tempo ,manutenção de pace e lidar com o calor,pois a largada foi as 8:30,e claro ver o resultado vir seguindo a planilha direitinho(mesmo nos dias em que o cansaço fala alto) e estar presente em apenas um dia na semana com a Trilopez (pq infelizmente não consigo durante os outros dias por "n" motivos). Valew Coachs e tb ao coelho q ajudou!!!!"

Antônio Ogro foi o nosso representante nos 100Km dos Conquistadores, realizados em Canela. Confira abaixo o seu depoimento:

"Dificuldade Geral: Alta;

Tipo de atleta: Experientes ( No longo apenas para quem já é experiente em endurance);

Organização: Ruim;

Pontos positivos: Lagoa da natação e paisagem;

Pontos Negativos: Falta de agua em alguns postos, muitos aclives e declives (Esse pode não ser um ponto negativo), confusão na entrega dos kits, marcação de quilometragem duvidosa na corrida.

No começo de Janeiro fiquei sabendo que um amigo casará bem na data do internacional de Santos. Um dia conversando com minha namorada pensamos, por que não passar um fds em Canela?

Bom achamos alguns preços de passagem e hotel “ok” e decidimos ir. Fiz os 100km, é certo que neste momento não era o ideal mas fui na boa.

A entrega dos kit´s foi confusa, uma porque começou uma espécie de descontentamento dos atletas por falta de informações claras dos lugares e horários de retirada e outra porque não tinha camiseta no kit. Pegaram os e-mails de cada um e prometeram entrar em contato para fazer a entrega. Outro problema foi que estava marcado o bike check-in no sábado e por estar chovendo, decidiram que não recolheriam as bikes. Azar o meu que fui de taxi entregar a bike. Isso não foi de todo mal pq os Gauchos acabaram por se solidarizar e me ajudaram a levar e trazer a bike no domingo de forma amistosa.

Natação à Belíssima, um lago bacana (fotos no mundo tri), agua na temperatura ideal. Deu para nadar sem roupa de borracha e estava muito agradável. Se precisasse acho que nadaria o dobro. Apesar disso, minha natação é fraca.

T1 à Tranquila. É a foto que esta no FB. Me senti bem sem tonturas.

Ciclismo à não era para amadores, com vários aclives e declives, foi impossível manter uma cadência. Eram 3 voltas mais ou menos de 25,5 cada + um trecho que ligava a Fazenda até a estrada. No total o cateye marcou 78,5 km (Oficial era 77,5).

T2 à Senti bastante, principalmente pq começava em uma subida.

Corrida à Terrível. Eram 2 voltas de 10,5km. O percurso era “trail” e em dois pontos haviam subidas do tipo “Biologia” porem mais curtas ( Como eram duas voltas seria o mesmo que 4 subidas monstruosas). Os árbitros avisavam, “vai na boa que é difícil”. Praticamente trotei 70% do percurso e caminhei os outros 30% (Não havia como correr com tantas pedras e subidas íngremes). Faltou agua em diversos pontos na corrida, porém sempre vinha algum carro de apoio socorrer e disponibilizar quantas aguas vc pedisse. Outro questionamento foi a distância e a ausência de placas km por km. Acredito que houve erro na marcação de km´s pq no ritmo que eu estava, não era pra dar 21km. Talvez algum erro entre 1 e 2 km´s.

Em suma, estou inteiro, algumas dores musculares mas nada de não conseguir andar. Entendi logo no começo da corrida que não ia dar para correr normalmente. É uma prova de aventura, de quem gosta de natureza e não esta muito de olho em tempo. Eu curti MUITO, nadei e pedalei “na boa” ... fui curtindo pq não tinha ideia do que eram 100 km´s. A logística da prova é ruim e tem que ter um carro para se deslocar lá.

Agora, vou aos poucos trazer meus treinos mais para corrida e me dedicar a Berlim. Decidi que não farei a maratona de Porto Alegre. Só terei um foco, que será Berlim. Provas alternativas farei para me divertir e meias-maratonas nas preparações.

Obs. Vale muito a pena o passeio para Canela e Gramado, porém vá para comer e beber!"

Vídeos

15/11/2013 - BRIEF MARATONA MIZUNO UPHILL
12/11/2013 - TRILHA x ASFALTO
20/05/2013 - COMPLEMENTOS DA CORRIDA: NATAÇÃO
27/04/2013 - DESAFIO COACHES PHARMATON 2013
15/05/2013 - DESAFIO PHARMATON 2012

Apoios


Atenção Atletas !!

Momentos 2016

  

Roma Comunicação